segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Cérebro Eletrônico



Dispa-se delicadamente
Diz para mim o que pega
Não se apegue ao passado
Se eu decidir ficar

Sonhe com algo bacana
Faça de conta que vai tudo bem
Leia minha mão
O futuro há de nos pertencer

0 comentário(s):