quinta-feira, 27 de novembro de 2014

SOBRE MAIO OU FINAL DE NOVEMBRO

Precisamos falar sobre o amor. Não me olhe assim com esse jeito de quem já se cansou. Às vezes, até eu acho que me cansei, mas nós precisamos falar sobre o amor antes que o mundo se acabe. Antes que a gente se esqueça. Não podemos deixar para amanhã. Pode ser tarde demais. E eu já li por aí que nada pior do que ser tarde demais, meu amor. A gente se encontra em um bar ou em dos nossos hotéis. Sim, eles são nossos. Precisamos falar sobre seus olhos. Sobre nossos dedos entrelaçados. Escrever já não basta. Escrever já não me basta. Preciso te falar sobre tudo antes que acabe. Precisamos ir ao restaurante japonês. Uma outra vez. Viajar para o sul. Ou pra alguma cidade fria do nosso estado. Preciso encontrar suas amoras. Precisamos falar sobre nós. Mesmo que ninguém entenda. Quero ser possível me encantar uma outra vez pelo jeito com que me faz sorrir. Quero ainda ser capaz de te mostrar que sou melhor ao seu lado. Precisamos perder a cabeça. Qualquer resto de razão. Dividir a mesma cama. Esqueça seus pais. Esqueço meus pais. Não deu certo com eles. E nós precisamos nos reencontrar pra falar sobre sentimentos, cervejas ou qualquer outra coisa. Eu quero rir de novo do seu lado. Assim como ainda rimos ao telefone. Nós podemos falar sobre amor com outras pessoas. Precisamos fazer com que acreditem de novo. Como eu acreditei ao te conhecer. Como eu acredito ainda agora. Esquece o amanhã ou outro dia qualquer. Precisamos falar sobre sua nova conquista enquanto eu brinco com seu gato. Precisamos falar sobre amor com nossos amigos ou conhecidos. Avisá-los que não conseguimos evita-lo. Há um tempo atrás. Há quanto tempo atrás? Preciso te falar da falta que você faz. Preciso te falar sobre o amor antes que você desacredite. Antes que o mundo desabe e eu já não possa cantar pra você dormir. 

Por Camila Aguilera 

0 comentário(s):